TOPO
Gastronomia Mais lidos

Camarão do Birosca, em primeiro lugar

 

No mês de março, a postagem “Camarão do Carlos, não é bom, se amostra” conquistou o primeiro lugar de acesso com 3.020, claro, seu Carlos disse que ficou com ouvido doendo de tanto atender ao telefone, mas merecido, pois o camarão crocante coroado com queijo parmesão e pirão é o melhor de todos.  Em segundo lugar com 2.223, o tino empresarial do Ricardo de Arroz, que apostou no quiosque especializado em sanduíches, como o de mortadela. Já o terceiro com 2.149 acessos a postagem: “Das Lagoas para matar a sede”, sobre a primeira fabrica e bar de cerveja artesanal em Maceió. Vamos recordar:

Birosca

Camarão crocante com pirão de peixe, é de comer rezando!

“Não quero perder a qualidade, só ofereço comida boa e no momento a  minha birosca é pequena, estou reformando. No dia de domingo já é uma guerra”, conta seu Carlos, que já tem sua clientela fiel, literalmente conquistada no boca a boca. E realmente, quando o camarão crocante chegou á mesa, confesso que me assustei pelo tamanho, tipo prato de “estivador”. Uma lindeza, parecia uma montanha de camarões bronzeados, todos polvilhados com queijo parmesão. Os camarões (barba roxa) são fritos com casca e das cabeças dos crustáceos apenas são retiradas as antenas. O tempero é sal, com uma leve camada de farinha. Fica bem crocante e é impossível comer apenas um.

O estabelecimento é simples e a culinária de frutos do mar é nobre

Lembrando: Para saborear o camarão crocante é preciso fazer reversa (98727.7566). E tem seus motivos a casa é pequena, o proprietário é o único garçom e, na cozinha, apenas a esposa dele, Cleide Maria, e sua filha Silvia Leite, que  dão conta do divino camarão crocante com pirão de peixe, peixada e siri ao leite de coco.

A postagem na integra veja: http://blog.tnh1.com.br/nidelins/2017/03/22/camarao-do-carlos-nao-e-bom-se-amostra/

Rice’s Hot Dog

Sanduíche do chef com mortadela e outros ingredientes do Ricardo do Arroz

O alagoano, uma celebridade na gastronomia, Ricardo Arroz armou um box na Jatiúca para vender sandubas e sucos, com foco no hot dog, porém o pão francês com mortadela abafou o sanduíche de salsicha. Provei e realmente o de mortadela é o rei do “Rice’s Hot Dog”. Tem menos volume que o do mercadão de São Paulo, contudo é medida (340 gramas de mortadela) certa para comer  bem e ser feliz. O  sanduíche “Mortadela do Chef”,  que vem agraciado com salaminho, bacon, queijo mussarela e salada. Estou com o povo, é o melhor. Sigam as minhas dicas porque tem até pão com ovo para um bom café da manhã.

Ricardo, ao lado da sua amada Manuela Emilly, comanda o Box “Rice’s (Arroz)

Ricardo Arroz é alagoano e seu apelido de Arroz é por conta do tempo da Marinha. “Não queria trabalhar com armas e escolhi trabalhar na cozinha. Assim aprendi a lidar com as panelas e temperos”, diz o rapaz, que já teve o Boteco do Arroz, também trabalha com eventos e dizem que ele faz feijoada de respeito.

Rota “Rice’s Hot Dog”: Rua Hamilton de Barros Soutinho ,76 BOX 3 (referência: Por traz do Coagro na Avenida Jatiúca) – Jatiúca/ Telefone: (82) 3317.4365

Daslagoas

Fabrica e bar DasAlagoas, melhor lançamento do ano de 2017

Quando a DasLagoas aterrissou na Amélia Rosa, tudo ficou mais legal, alegre, boêmia.

Pois bem, DasLagoas Brewpub”, a primeira fábrica bar em Maceió, tem uma cozinha cervejeira aberta para todo mundo ver com se faz a boa cerveja. Na receita, os ingredientes nobres das brejeiras: malte, lúpulo, água e fermento. Quando chega o tempo de consumo é só abrir as torneiras de chopes para matar a nossa sede. São 12 torneiras das quais oito estão ativas: duas das DasLagoas, duas da alagoana Caatinga Rocks e as outras de marcas brasileirasA proposta da casa é possibilitar que o cervejeiro prove todas até encontrar as suas prediletas. Mas muita gente ainda não deu seu veredito e segue provando, porque as cervejas artesanais são saborosas e temperadas.

Bons petiscos e até com opções para os veganos e vegetarianos, mas DasLagoas por si só já é um alimento.

Trio de Cervejeiro: Bruno, Fabricio e Raniel, empreendedores das brejeiras

Rota DasLagoas Brewpub: Antiga Amélia Rosa, 575 – Jatiúca (vizinho Oba Pizza) @cervejasdaslagoas

«

»

1 comentário
  • sebastiao pascoal
    3 anos Atrás

    Sou alagoano, mas vivo fora daqui já faz 20 anos(por imposição de trabalho). lendo suas dica culinárias vi o quanto perdi por está fora todo esses tempo. Prometo a mim mesmo apressar minha volta.

Comentários desse post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-me no Instagram

Instagram has returned invalid data.