TOPO
Destaques

Coxinha de macaxeira sem glúten, e das boas

A coxinha é sequinha, nem parece frita, e o recheio de frango é generoso. O mais interessante é a massa de macaxeira, feita com três tipos de farinha cobrindo o salgado: de rosca, de panko (pão japonês) e, para quem alergia ao glúten, a de arroz. O nome do pequeno empreendimento é Coxinha do Patrício (@coxinhadopatricio), que já tem seis anos de história vendendo de porta em porta. Com a pandemia, virou delivery.

A dica da Coxinha do Patrício é da minha colega jornalista, Géssika Costa (@gessikacostaa), que está viciada na danada. Acatei a sugestão e aprovei na primeira mordida. É muito boa. Massa com gostinho do caldo da ave e recheio de frango sequinho, quase sem óleo, e bem temperado. Você pode escolher  os sabores: tradicional, frango com catupiry, calabresa, calabresa com catupiry, costelinha e de chocolate.

Coxinha do Patrício é de massa de macaxeira e o recheio de galinha bem generoso

“Eu uso a macaxeira na minha receita porque dá um sabor diferente na coxinha, mas também faço com farinha de trigo. Mas tudo com o cuidado e separado, para não ter contaminação com o glúten”, conta Patrício.

Trajetória – Patrício Gonzalez é natural do Mato Grosso, casado com uma alagoana e há 14 anos fincou raízes em Maceió. Já trabalhou em supermercado e foi lavador de prato em restaurantes. Nas horas vagas vendia de porta em porta as coxinhas. Mas com a pandemia teve que parar e também ficou desempregado. Apostou no delivery e deu certo.

Os sabores da coxinha: tradicional, catupiry, calabresa  e até chocolate.

O alagoano de coração diz que aprendeu a fazer só olhando. É dessa forma que a coxinha de macaxeira está desenhando uma nova vida de empreendedor para Patrício.

Antes da pandemia Patrício vendia a coxinha de porta em porta

Rota Coxinha do Patrício (@coxinhadopatricio)

Preço: a partir de R$ 5,00/ Aceita-se cartões/ Telefone: (82) 98744-9733

Delivery de terça a domingo das  8h as 23h

«

»

Comentários desse post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-me no Instagram

Instagram did not return a 200.