TOPO
Destaques Evento

20 de novembro com sabor de axé

Já comeu abará? É a mesma massa do acarajé, só que envolvida na palha da bananeira e cozida no vapor. Quem faz bem essa tradição baiana é o Dan do Ọkàn Acaraje&Co. O alagoano incrementa a massa com pó de camarão defumado, gengibre, cebola, coentro, amendoim, castanha de caju, dendê e recheia com camarão. Esse quitute será uma das atrações culinárias no Festival Afrocriativo, nesta sexta-feira, dia 20, dia da Consciência Negra.

Cocadas sem aditivo químico do Okan também no Festival  Afrocriativo

O evento acontece no estacionamento do Sebrae  (@sebraealagoas),  das 16h até as  22. Além do abará do Dan, também terá comidinhas do Odara (@odararestaurante), Petiscaria Vegana (@petiscariavegana), Delícias da Tia Celia e Ajejum Comedoria (@ajeumcomedoria) no Estacionamento do Sebrae. Então leve a máscara, para celebrar o Dia da Consciência Negra sem preconceito e com muito axé.

Chef Ivanilda Luz vai levar acarajé para o Festival  Afrocriativo

O Festival Afrocriativo integra a programação do Afroempreendedorismo do Sebrae Alagoas e é um dos temas abordados durante a programação destinada aos negócios de impacto social e ambiental, nesta sexta-feira (20), no MCZ Play 2020. Outros temas tratados no evento deste ano são Empreendedorismo Feminino e o Empreendedorismo LGBTQIA+, a partir das 14h, acontecerá de forma híbrida (presencial e online).

Acarajé da chef Ivanilda Luz, uma tradição da sua cozinha

A chef Ivanilda Luz, do Odara, leva para as panelas do restaurante a história e o tempero da cultura afro, e para o evento do Sebrae, ela vai levar acarajé no prato (com opção vegana também), quibebe de Jerimum com ragu de carne e, para adoçar, os brigadeiros de café e capim santo, tudo com muito axé.

Pastel de jaca da Petiscaria Vegana

Para quem não come nada de origem animal, tem bobó de jaca verde e pastel de casca de banana da Petiscaria Vegana. Ajejum Comedoria vai levar Atoladinho de Aqualtune  (homenagem a uma das lideranças femininas negras do Quilombo dos Palmares) com carne e espetinhos. Já a Tia Célia preparou o sururu com farofa de dendê e caldo de quenga (macaxeira com galinha), além dos bolos de chocolate e de limão para garantir o doce do Festival  Afrocriativo.

Xequete do Okan, bebida de tradição afro no estival  Afrocriativo

Festival Afrocriativo

Todos os pratos salgados por: R$ 10,00, e as sobremesas no valor de R$ 5,00. Aceita-se cartões.

Dia 20 de novembro, das 16h até as 20h, leve sua máscara

Estacionamento do Sebrae – França Morel (ao lado do Sebrae Alagoas)

As pessoas interessadas em participar do evento ainda podem fazer a inscrição, utilizando o endereço eletrônico bit.ly/MCZPlay2020.

«

»

2 comentários
  • ANA MADALENA SANDES
    2 semanas Atrás

    Vai ser um evento lindo. Já estou com fome para comer essas delícias.

  • Fátima Aguiar
    2 semanas Atrás

    Bom dia!!!
    Ficou lindo!!! Comida é poesia em seus textos. Maravilhoso!!!
    Existe um dito sobre comer com os olhos, neste caso literalmente é isso, a leitura de seus textos sobre culinária/ gastronomia nós alimenta, ou nos abre o apetite.

Comentários desse post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-me no Instagram

Instagram did not return a 200.