TOPO
Chef na Cozinha Gastronomia

Risotos de polvo, pato… Maravilhosos!

Seja no boteco ou num restaurante cinco estrelas, o polvo é o molusco marinho mais querido na mesa dos brasileiros. Seus tentáculos são sensuais e garantem uma iguaria para saborear no coco, no vinagrete, no azeite, na manteiga… Recentemente provei o fruto do mar servido no restaurante Najuany, Bistrô do chef boliviano Boris Guimbard. O prato foi batizado de Hidra. O nome faz referência ao personagem mitológico e, realmente, a criatividade do chef impressiona da apresentação ao sabor.  Ele sabe como navegar na cozinha contemporânea, com ênfase nos risotos. E do magret (peito de pato) é tirar o fôlego.

Hidra é risoto com molho pesto, mas tem o toque do molho de tomates. A novidade são as folhas frescas de Beldroelga (lembra espinafre), que acentuam o sabor nos grãos de arroz molhadinhos. Os tentáculos polvo vêm lindamente em cima do arroz italiano  com casquinha crocante e carne macia. Não usei o queijo ralado, mas apostei em fios de azeite.

Magret (peito de pato) grelhado com sua gordurinha recebeu molho de amoras e risoto de parmesão

Além do polvo, o magret grelhado com sua gordurinha recebeu molho de amoras. Um espetáculo ao paladar. Ainda mais que o doce e azedinho da fruta se completam com o risoto de queijo parmesão.

Para preparar os risotos, o chef Boris usa como base o caldo de legumes (beterraba, tomate, tomilho, alecrim, salsão, salvia e folha de louro) dando mais sabor aos grãos.

O charme do restaurante Najuany Bistrô

O restaurante Najuany Bistrô está mais lindo e é indicado para casais de apaixonados, para uma conversa em harmonia com vinho ou  cervejas especiais da casa. A amada do Boris, a paulista  Karolyn Obger, é sommelier de cervejas da casa . Ela  continua com suas dicas valiosas em consonância com os sabores e temperos da cozinha contemporânea do chef Boris.

No Najuany, o cliente pode levar o vinho que não é cobrada a rolha. Agora se levar um vinho que tenha na casa será cobrado R$30 por garrafa.

O casal, chef Boris e sommelier Karololyb Oberg na foto ainda gravida, agora já é mamãe

Dicas da sommelier Karolyn Oberg

Para o Magret: harmoniza com a cerveja Burgman Red Ale, que tem notas de frutas vermelhas e amargor médio que contrasta com a gordura do pato. Com vinho, a sugestão é Rosso Veronese, um vinho italiano bem versátil, de corpo médio.

Para o Hidra (risoto de polvo): a cerveja Hop Bros Wit, que acrescentará ao prato as notas cítricas da laranja e coentro. Já o vinho indicado é um branco com notas frescas como o Ramirana Sauvignon Blanc.

Bolo “maciço” de chocolate meio amargo; acompanhado de sorvete de creme e calda de caramelo caseira

Rota Najuany

Preços: Pratos principais a partir de R$ 48,00 (prato Individual) / Entradas: a partir de R$ 22,00 – Aceita-se cartão

Rua São Francisco de Assis (na mesma rua do Wanchako), Jatiúca- 73 – Telefone: 3317.4290

Horário de Funcionamento: Terça – Quinta: 19:00 – 23:00/ Sexta – Sábado : 19:00 – 00:00

 

«

»

1 comentário
  • Rafael
    4 anos Atrás

    babei aqui…e nem como polvo.

Comentários desse post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-me no Instagram

Instagram did not return a 200.