TOPO
cozinha de boteco Destaques

Charque guisado no Cachorro Engarrafado

Um bom nome de bar define que o empreendimento tem estilo. Assim é o inusitado Cachorro Engarrafado, boteco que abriu em março, no Santo Eduardo, e, no turbilhão da pandemia, teve que fechar. Porém reabriu agora com as tradições de bar, entre elas o charque guisado com farofa de ovos e feijão. Ah! O nome é inspirado no poeta Vinicius de Moraes, que dizia: “ O Whisky é o melhor amigo do homem. O Whisky é o Cachorro Engarrafado.”

Charque guisado com pão, opção de petisco do Cachorro Engarrafado

O charque guisado encanta o paladar, supermacio, envolto no caldinho bem temperado e sal na medida certa. Para escoltar, a tradicional farofa de ovos e feijão verde (este é de comer sem acompanhamento). Claro, Whisky, para quem ama, ou cerveja estupidamente glacial, porque Cleonisson Alves, o famoso Cléo, chef da casa e das panelas, também aprecia uma gelada e, por sinal,  é bastante exigente na temperatura das cervas.

Salada de bacalhau, simples e saborosa

Outro prato que merece atenção é a salada de bacalhau. O peixe em lascas, temperado no azeite, batatas, ovos e azeitona. Vem agraciado com arroz e feijão verde.

Camarão Tropical temperado na manteiga de garrafa

O camarão tropical é o xodó da cozinha do Cléo: tomate, cebola roxa, coentro, pimentão e regado na manteiga do sertão. O crustáceo é servido com arroz e feijão verde.

Cleo com sua saudosa, mãe dona Mocinha, dama da gastronomia alagoana

Quem é – Cléo é aquele cara que ama reunir os amigos em torno de uma mesa, e eu sou testemunha. Do seu fogão industrial em casa sai o melhor sururu de capote com pirão escaldado (preparado com o caldo do molusco e farinha sem ir para o fogo). Essa iguaria é disputada a tapas. E, o alagoano, já prometeu que em breve, pelo menos um dia da semana, o sururu vai entrar no cardápio do Cachorro Engarrafado.

O bom rapaz só aprendeu a cozinhar na Paraíba, durante o Mestrado de Economia Rural. Pelo telefone, sua mãe, Dona Mocinha, explicava as receitas e assim o alagoano, economista e produtor cultural, um dos sócios do saudoso bar Casablanca, iniciou uma prestigiada carreira solo no fogão. As receitas do Cachorro Engarrafado são de dona Mocinha, que deixou a mais saborosa herança, um caderno de receitas alagoanas.

Feijão verde do Cachorro Engarrafado no bairro do Santo Eduardo

Rota Cachorro Engarrafado

Preço: Charque guisado: R$ 38,70 (para duas pessoas)/ Charque Guisado R$ 30,00 (acompanhado de pão francês)/ Aceita-se cartões

Funciona de terça a domingo, das 11h até as 20h/ Tem o sistema de pegue e leve das 11h até as 15h/ Telefone: 82 3357 4382

R. Cap. Marinho Falcão, 501 – Santo Eduardo

 

«

»

5 comentários
  • marcelo peixoto
    2 semanas Atrás

    Favor informe o endereço.

    • Nide Lins
      1 semana Atrás
      AUTOR

      R. Cap. Marinho Falcão, 501 – Santo Eduardo

  • Plínio Lins
    2 semanas Atrás

    É tudo gostoso, boa música e preço honesto.

  • Millena
    1 semana Atrás

    Muito massa a matéria! Saudade de saborear as comidas dos amigos Cleo e Valéria! Esse feijão verde da foto é de babar!

  • Danielle Menezes
    1 semana Atrás

    O lugar é excelente, a comida divina e o nome criativo e inusitado!!!!
    Ótima matéria, Nide. Sucesso,sempre, ao meu tio Mano.

Comentários desse post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-me no Instagram

Instagram has returned invalid data.