TOPO
Destaques Tradição alagoana

Melhor fritada de siri é a do Bahia

São mais de 30 anos e a fritada de siri do Bahia não muda, continua generosa na quantidade de siri, sabor inigualável, carne do crustáceo bem molhadinha e envolvida numa camada de ovos batidos. Para escoltar, a tradição da cozinha alagoana, pirão de peixe (de lamber os beiços) e arroz.

No tempero, apenas a carne do crustáceo cozida com um pouco de manteiga, tomate, cebola e pimentão. E o melhor na carne do siri: raramente se acha a casquinha do bichinho das lagoas.

Fritada de siri com pirão, arroz, uma tradição do Bar do Bahia em Marechal Deodoro

Nesse modesto bar, no povoado Pedras, em Marechal Deodoro, o sorriso do Bahia é sempre no capricho. Bem-nascido e criado na beira da Lagoa Manguaba, ele diz, orgulhoso, que é primo do ex-presidente dos EUA, Obama. O humor é a característica do alagoano, que também adora desafiar: “se alguém achar um siri sem coral ganha uma cerveja”. E ninguém nunca ganhou porque o siri tem sempre coral.

O siri de coral é uma iguaria alagoana, a gente não encontra em outro Estado do Nordeste. “Essa lagoa é uma benção para a gente. Não é poluída, então siri de coral não falta”, diz o alagoano, ex-pescador.

Siri-de-coral, uma exclusividade alagoana

O conhecimento do pescador é compartilhado com a bióloga Tereza Calado, doutora em Oceanografia Biológica, estudiosa e pesquisadora do Complexo Lagunar. A acadêmica confirma: siri de coral é uma exclusividade cultural na gastronomia e na pesca artesanal no Estado de Alagoas.

“Temos muitas lagoas. São 17. Os manguezais mais preservados e menos poluídos contribuem para a reprodução das espécies em quantidade. Pelo que eu conheço do Nordeste, Siri de Coral só em Alagoas”.

Bahia usa “freezer natureza” (viveiros) para manter os siris vivos

Bahia utiliza a “tecnologia” ambiental: são seis viveiros grandes, batizados de “freezer natureza”, onde são armazenados, aproximadamente, 150 siris em cada um. Para manter os crustáceos vivos, os viveiros são colocados na própria Lagoa Manguaba, ficando lá por até quatro dias. Para os siris não matarem uns aos outros, Bahia coloca folhas, que garantem a paz.

Bar do Bahia, ainda tem as tradições do peixe frito, camarão, tudo regado na simpatia do alagoano, que ganhou o apelido porque parecia com um jogador do estado da Bahia. “Num sei onde é a Bahia”, diz rindo, agora, sua cozinha faz muitos gools na gastronomia típica alagoana.

Bahia, alagoano, mais simpático e com melhor humor do mundo

Rota  Bar do Bahia

Preços: fritada de siri completa R$ 48, 00/ Petisco – R$ 38,00/ siri de coral – R$ 3,50 (unidade)/ Aceita-se cartões

Rod. Edval Lemos, s/n, povoado Pedras, Marechal Deodoro-AL Diariamente, das 9h às 18h/ (82) 99922-6319

Posta de peixe dourado do Bar do Bahia

 

 

«

»

8 comentários
  • Alex
    8 meses Atrás

    É sempre um prazer ir no Bar do Bahia, gente boa demais.

    • Bahia
      8 meses Atrás

      Obrigado pela preferência , estamos de braços abertos para os servir

  • Cris Albuquerque
    8 meses Atrás

    O siri de coral, sim! Mas a fritada de siri melhor de Alagoas, me perdoe, é a da minha mãe, Dona Cletice!

  • DAMIAO MESSIAS
    8 meses Atrás

    ahhhhhhh… Me dá agua na boca. Sempre como no bar do Bahia, tempero maravilhoso, atendimento top e a simpatia do bahia, fazem a diferença.
    Parabens pela matéria.

  • Sérgio Almeida
    8 meses Atrás

    Para mim é páreo duro: Fritada do Bar do Bahia x Fritada do Restaurante Alecrim Farol.
    Melhor apostar num empate. Ambas são muito boas.

  • Plínio
    8 meses Atrás

    Que delícia. Deu água na boca lendo essa postagem.

  • Bahia
    8 meses Atrás

    Agradeço a todos pela preferência , estamos sempre para melhor servir

  • Diego
    7 meses Atrás

    A fritada de siri pode até ter melhor em maceió, mas o siri de coral, o visual da lagoa e a simpatia desse Senhor, são imbatíveis!

Comentários desse post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-me no Instagram

Instagram did not return a 200.