TOPO
Destaques Turismo

Dormindo no São Francisco

Sempre sonhei em acordar com os pés nos Rio São Francisco, olhando a imensidão do nosso mar doce  entre os cânions e esperar o anoitecer para contar as estrelas.

Pousada Castanho, uma experiência única no sertão alagoano

Desde 2012, quando eu conheci o restaurante Castanho, uma reserva da caatinga em Delmiro Gouveia, cercada pelo Rio São Francisco (lembra uma ilha), pensei: “uma pousada aqui seria um sonho”. E em setembro deste ano nasceu a Pousada Castanho, com nove apartamentos, onde o privilégio é acordar com os pássaros e, literalmente com os pés no rio.

Em cada apartamento tem um painel fotográfico com as imagens da reserva Ecológica do Castanho

Para entender: o Restaurante Ecológico Castanho,  com seus 1.500 hectares de caatinga preservada, funciona todos dias com passeios pelos cânions do Rio São Francisco, tem trilhas catalogadas, piscina, enfim, toda a beleza do sertão alagoano num lugar só. E agora tem uma pousada para quem deseja ficar uma temporada no paraíso sertanejo.

A pousada – São nove apartamentos com camas confortáveis, ar-condicionado, banheiro, televisão, internet, e principalmente varanda com rede. Em cada um deles tem, na parede,  um painel fotográfico com as aves que moram no Castanho. Porque, neste paraíso, os pássaros que são resgatados de cativeiros são libertados na reserva.

O amor dos pássaros no restaurante e Pousada Castanho em Delmiro Gouveia

Quem se hospeda no Castanho é abençoado pela natureza, e claro, longe da cidade, porque para chegar a esse paraíso tem dois caminhos: vai de carro até a Praia da Dulce, em Olho D’Água do Casado, para pegar a embarcação pelo Rio São Francisco até a Pousada.  Ou de carro,  pela estrada de barro em Delmiro Gouveia (cerca de 30 minutos).

Então, um conselho: esqueça a cidade, e curta o sertão 100%, entregue-se de corpo e alma.

Castanho é uma reserva ecológica que abriga pousada e restaurante no Rio São Francisco

O café da manhã é dos bons, frutas, queijos, pães, bode guisado, macaxeira, cuscuz, leite, bolos… Com tanta comida, o negócio é fazer trilhas, passear de barco pelos cânions, nadar na piscina ou, simplesmente, aconchegar-se na rede a um passo do Rio São Francisco… E vamos ser felizes, lá tem vinho. Agora a caatinga já tem sua cerveja artesanal, Maria Bonita, para brindar a vida.

Cuscuz e bode guisado, duas gostosuras do café da manhã da Pousada Castanho

História – No ano de 2012, fiz minha primeira viagem para o restaurante Castanho, em Delmiro Gouveia, com o guia Henrique Dantas. O embarque foi na Praia Dulce, na cidade de Olho D ‘ Água do Casado, em uma ponte improvisada, mas a beleza dos cânions do Velho Chico era o que importava. Em 2019, a exuberância do Sertão é a mesma, mas no lugar na ponte, na praia Dulce, temos um pier com um restaurante, e o Castanho Reserva Ecológica, da família do Leléu (@eliseebg), está mais encantador.

Atualmente são gerados 80 empregos diretos na região. O Castanho fez e faz o turismo alagoano florescer no Sertão.

Varanda da Pousada Castanho

Rota Pousada Castanho

Diária com café da manhã – a partir de R$350,00/ Aceita-se cartões

[email protected]/ Telefone: (82) 98114-7070

De catamarã ou lancha, o passeio pelos Cânions do Velho Chico acontece todo dia. Embarque no Restaurante Castanha, às 9h, ou na Praia da Dulce (Olho d’Água do Casado) às 10h30.

O restaurante Castanho funciona todos os dias – Aceita cartão. Telefone: (82) 99959.1405/ 98814.7070 e 98855.1290

Tilápia grelhada do restaurante Castanho em Delmiro Gouveia

«

»

Comentários desse post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-me no Instagram

Instagram has returned invalid data.