TOPO
Destaques

O Nordeste na Santa Amélia

Com o chef Rodrigo Aragão (leia-se Ôxe Comidas Nordestinas) rumei para um novo restaurante de Maceió, o Comedoria Nordestina, no bairro de Santa Amélia. Ele, muito feliz. Afinal, esta é a sua primeira consultoria como chef. Eu quase morri de tanto comer, porque a família do Jorge Gouveia (idealizador do empreendimento), gosta de fartura, muita sustança e sabor. Assim, os pratos foram chegando: caldinho de feijão, dadinho de tapioca, peixada com pirão, carne do sol, carneiro, buchada, galinha de capoeira, costela de porco…

Claro, que tentei me conter. Provei um pouco de cada. E, garanto, tudo muito bom.

Peixada alagoana no bairro de Santa Amélia

O novo restaurante surpreendeu. Tem a tradição nordestina com toques certeiros do chef Rodrigo. “A minha tarefa foi deixar esses alimentos com um sabor a mais. Por exemplo, a cura das carnes de sol e charque, que são feitas artesanalmente na casa, a manteiga de ervas para finalizar as carnes, entre outras ideias. Mas o sabor é Nordeste, como comida de fazenda”, disse ele.

Buchada nos dias de sexta, sábado e domingo no Comedoria Nordestina

Sigam as dicas, mas fiquem ligados: buchada, rabada, pato, peixada, feijoada e galinha de capoeira, apenas nos dias de sexta, sábado e domingo. Porções para duas pessoas.

Dadinhos de tapioca para começar na Comedoria Nordestina

Para beliscar – Os dadinhos de tapioca são a receita mais popular da casa e nasceram com o chef Rodrigo Oliveira (Mocotó) em São Paulo. Nosso Rodrigo, alagoano dos mares, que foi estagiário dele, apostou nos dadinhos de tapioca.  Bem feito, eles são crocantes por fora e macios por dentro. Os quadradinhos são servidos com duas bases: geleia de pimenta ou molho de ervas.

Caldinho de feijão é nota 10

Caldinhos – Adorei o de feijão, preparado no capricho, com o grão moído, caldo grosso, deliciosos de pedacinhos de bacon, cheiro verde e, claro, um ovo de codorna para coroar o sabor. Também nos sabores de crustáceos e de galinha.

Costelinha suína, uma das estrelas do restaurante da Santa Amélia

Para forrar o bucho – De todos os pratos que provei, a costelinha suína é nota 10. Chega cortada em tirinhas, temperada na manteiga com ervas. O legal é que a gente escolhe três acompanhamentos, entre saladas, arroz branco ou de brócolis, feijão tropeiro, fava, farofa de manteiga, de bacon, de banana, purê e batata do dia, vinagrete, batata e macaxeira frita.

Carne suína grelhada e salada da casa

Origem – A maioria dos produtos vem da fazenda da família de Jorge, em São Miguel dos Campos. De lá, sai o carneiro que no restaurante chega na versão guisada e grelhada.

Cartola na versão do chef Rodrigo Aragão

Doce – A cartola, de roupagem nova, é um amor de doce. A banana é empanada na farinha panko, frita e vem enroladinha e preenchida com doce de leite, queijo manteiga ralado em cima, e sorvete de coco da Belo Monte (sorveteria descoberta pelo chef Rodrigo).

Também tem o prato Executivo por R$ 15: uma carne e três acompanhamentos.

Trajetória –  Como na cidade alta tem muito churrascarias, o empresário Jorge Gouveia percebeu que um restaurante de comida nordestina caberia bem no bairro da Santa Amélia, e acertou.  Abriu em dezembro do ano passado e as famílias já descobriram as gostosuras. No final de semana o lugar é bem concorrido.

Jorge reuniu a família, mas quem comanda a cozinha é sua nora, Mariana Chagas, formada em Direito, mas cozinheira de mão cheia. Ele ainda conta com auxilio luxuoso da esposa, Rosa, e do filho Jader.

Chef consultor Rodrigo com Mariana, Rosa e Jardel na Comedoria Nordestina

Quem ama o gostinho de comida de fazenda, é só chegar no Comedoria Nordestina. Lá também abre para janta.

Fatias – As carnes grelhadas são todas cortadas em tiras. A carne de sol na manteiga de ervas também merece atenção.

Rota Comedoria Nordestina

Preços: Prato executivo: R$15,00/ Pratos para dois a partir de R$38,00/ Aceita-se cartões

Av. Jorge Montenegro Barros, Qd. J, Lote 12, Durville – Santa Amelia, Maceió / Telefone: 3185.9238/ Funciona de terça a quinta 11 às 22. Sexta e Sábado das 11h as 23h/ domingo 11 às 22h .

Detalhe do restaurante Comedoria Nordestina

«

»

5 comentários
  • Fátima Brêda
    3 meses Atrás

    Só na Nide para saber essas novidades…hummmm!! moro na Santa Amélia e não conhecia esse Restaurante.

  • Tom
    3 meses Atrás

    Prato para 2 a partir de 38 reais tá caro. Sai a 19 reais para cada.

  • Dário
    3 meses Atrás

    Boa noite querida, é de dar água na boca não só as imagens, mas também a forma como as palavras são escritas, mas, faz-se necessário uma correção no endereço:
    Avenida Jorge Montenegro Barros, loteamento do Villa, Quadra J, empresarial Rosa Gouveia.
    Av. Jorge Montenegro Barros, Qd. J, Lote 12, Durville – Santa Amelia, Maceió – AL

  • dermival pinheiro
    3 meses Atrás

    Boa noite. Por favor um ponto de referência da comedoria.

    • Nide Lins
      3 meses Atrás
      AUTOR

      Bom dia, Dermival, sugiro que vc ligue para o restaurante, porque tenho um defeito, só péssima para explicar como chegar. Mil desculpas, abraço

Comentários desse post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-me no Instagram

  • Já comeu as coxinhas de galinha do Conversa Botequim? Pois bem, as beldades são viciantes. A gente começa a comer e não querer mais parar. Na receita, o salgado leva batata inglesa, farinha de trigo e leite, depois são empanadas na massa de tempurá e farinha panko (pão japonês). O recheio é generoso.
Para acompanhar o petisco, cerveja bem gelada ou drinks do Itynerantys
http://www.nidelins.com.br/2019/04/24/coxinha-do-conversa/
@conversabotequim @itynerantys @luizsiqueira87
  • Na pracinha, por sinal, bem lindinha, da cidade de Capela, uma placa do governo do Estado indica o Caldinho de Capela, patrimônio alagoano sob a batuta do Newton Melo Bastos, uma lenda viva do Município que também abriga o atelier do ceramista João de Alagoas e seus seguidores.
Saiba mais no meu blog: http://www.nidelins.com.br/2019/04/23/seu-newton-autoridade-do-caldinho/
#dicadanide #alagoas #comidadibuteco #alagoas #capela
  • O churrasquinho de cordeiro escoltado por arroz com alho, feijão preto, farofa com bacon e salada, é uma das delícias do
Santo Almoço Executivo, no  Santo Antônio Bar, com preços de R$ 18,90 até R$ 36,00 (prato pra uma pessoa). De terça-feira à sexta-feira, o cardápio leva assinatura do @serginhorjuca. Veja mais no blog: http://www.nidelins.com.br/2019/04/22/almoco-com-antonio/
#dicadanide #maceio #restaurante #jatiuca #almoçoexecutivo
  • Espírito Santo do atelier João das Alagoas na cidade de Capela. Destino de arte e do famoso Caldinho do seu  Newton, o melhor da região.
  • Sexta-feira da Paixão, maré baixa, mar sereno, lua cheia, gente, muita gente assentada na areia, ou nas cadeiras que trouxeram de casa. Tudo para confortar o corpo, porque o coração já estava domado pelo projeto Velas Telas na Praia da Ponta Verde, bem de frente ao farol que nos guia.  As velas enfileiradas viraram telas de cinema ao céu aberto como o escurinho do cinema, onde foram projetas obras dos artistas plásticos alagoanos. As velas não partiram para o mar, mas projetaram a beleza dos nossos artistas plásticos e nós, até domingo, dia 21, podemos mergulhar no universo da arte no projeto Arte em Movimento – VelasTelas, do Núcleo Zero e Mirna Porto com patrocínio do Magazine Luiza por meio da Lei Rouanet. http://www.nidelins.com.br/2019/04/20/velas-da-lua-cheia/ foto: tela de Lula Nogueira @curiboca 
#velastelas #maceio #alagoas #cultura
@velas.telas @nucleozero_ @mirnaportomaia
  • Minha Maceió é mar, lua, Arte em Movimento - VelasTelas, projeto do @nucleozero_ @mirnaportomaia na orla da Ponta Verde (na altura do Farol), até  21 de abril, a partir das 20h.  Patrocínio @magazineluiz
#dicadanide
#maceio
#arte #pontaverde @rosapiattiarte @mirnaportomaia @nucleozero_
  • Fique ligado: Vem aí o Janga Week, de segunda a sexta, no Janga Praia no horário do almoço com prato para duas pessoas no valor de R$ 69,00. São seis pratos para o comensal escolher, como a Tilápia Primavera com salada e acompanhada com arroz integral, mas tem camarão, frango e carnes. Saiba mais sobre o @restaurantejanga no meu blog: http://www.nidelins.com.br/2019/04/19/camaroes-crocantes-do-janga/
  • A moqueca de camarão, quando sobra de um dia para outro no doce lar da família da Chef Vera Moreira, tem destino certo: o café da manhã. Basta adicionar ovos na moqueca para acompanhar o cuscuz de milho. Essa tradição do café da manhã  foi parar no cardápio do restaurante Akuaba. Mas, no lugar do cuscuz, entrou em cena o arroz, a farofa e o pirão. É bom demais. Saiba mais sobre os 25 anos do @akuababr no meu blog http://www.nidelins.com.br/2019/04/18/temperando-maceio-com-dende/
@verasmoreira @jonatasmoreira @ainamoreira @osvaldo_moreira 
#dicadanide #maceio #cozinhabaiana #moqueca #acaraje