TOPO
Chef na Cozinha Destaques

Divina felicidade

Em Maceió, cidade abençoada por Nossa Senhora dos Prazeres, não cabe pecado no Divina Gula. Por lá, só muito sabor, tempero bem brasileiro de deixar saudades, do gostinho de “quero mais” do caldinho do feijão com torresmo, das mil e umas receitas com carne de porco, da farofa que enche o prato de alegria, da pinga com mel para alegrar… Assim é o restaurante da família de mineiros/alagoanos que, por mais de três décadas (no ultimo dia 2, completou 31 anos), nos tempera com felicidades.

Picanha do Divina Gula é a estrela da casa

No instragram do @divinagulabr, o seguidor marcospeixoto42, escreveu: “O melhor de Maceió! Sou frequentador desde a época que o Divina ficava próximo ao Rei da Feijoada, do lado do Duda. Era pequeno e as mesas ficavam cercadas de engradados de cerveja! O caldinho com cana e mel já era divino, e o incrível é que o sabor continua igual! A picanha também já era sucesso! Vida longa @divinagulabr”.

Chef André Generoso e os filhos Chef Vitor e Diogo,do Divina Gula com o Prêmio Melhor Restaurante do Nordeste de 2018

E é verdade. Os clássicos do Divina Gula nunca morrem: caldinho de feijão com  torresmo, a picanha, a cachaça com mel, porquinho à pururuca, são sucesso absoluto. Não, como torresmo de macaxeira do chef Vitor (Vitrola), também. Para este ano, o mais aguardado é o Boteco do Generoso. Um trem bão que vem por aí, uai! Ou melhor, oxente minha gente, vem coisa boa por aí!!!

Predileto:  Tutu à mineira com lombo de porco, linguiça de porco (fabricação própria do restaurante), feijão, torresmo, ovo frito e couve

«

»

1 comentário
  • Carinha Feliz
    8 meses Atrás

    Quanta coisa gostosa….deu até fome agora!!! quando eu for para maceió certamente irei na Divina Felicidade.

Comentários desse post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-me no Instagram

Instagram has returned invalid data.