TOPO
Destaques

Pastel de Junqueiro, grata surpresa

No dia 8 de janeiro de 2018, numa viagem a Aracaju, na estrada tinha um trailer com uma plotagem de pastel e cana de cana. Como não tinha tomado café da manhã, paramos para tomar um caldo, e nesse meio tempo, sai o pastel grande, lindo, bronzeado e quentinho. Fiz apenas uma pergunta: esse pastel é vocês que fazem ou é de terceiros? Muito simpática, Veronica, proprietária, respondeu: “A gente faz todo dia, quer provar?”, não pensei duas vezes, e assim me entreguei ao salgado.

Virei fã. Infelizmente nunca mais retornei a Junqueiro para saborear o caldo de cana com pastel do casal Verônica Mendes e Adeilton Henrique. Eles ficaram tão felizes com a repercussão da postagem, que além de aumentar as vendas, o reconhecimento do empreendedorismo do casal. E ainda vou voltar, até porque tem galinha de capoeira com pirão me esperando no doce lar da família de Junqueiro.

Caldo de cana surper gelado, melhor dica de verão

A massa do pastel é elástica, gostosa e não embebida no óleo.  O de queijo coalho é bom, de carne moída, segue  a linha do pastel de vento (pouco recheio), mas também gostei, porque o tempero cola na massa a deixando saborosa.

Trajetória – Verônica e Adeildo, donos de muita simpatia, não economizam nos sorrisos e sempre agradecem pela ajuda divina. Ele é ex-caminhoeiro, ela dona de casa. Antes do trailer, eles produziam e vendiam bolos no Centro da cidade de Junqueiro, mas o negócio rendia pouco.

Família: Verônica e Adeilton, o casal bem simpático

Numa viagem para Arapiraca viram o trailer à venda e com a ajuda do cunhado Ednaldo Rijo e com fé em Jesus, compraram o sonho em prestações, atualmente quitadas. Sobrevivem das vendas do lanche na rodovia. O casal é evangélico, por isso na receita da massa não se usa cachaça, mas os dois também não revelam o segredo do pastel danado de bom.

Rota Pastel de Junqueiro

Preços: R$ 5,00 e R$ 6,00/ caldo de cana R$3,00 (500ml)/ Não aceita cartão

Funciona todos os dias, das 5h até 17h

BR 101, depois da entrada da cidade de Cajueiro (sentido Maceió/Aracaju)/ Telefone: (82) 99699.2117

«

»

3 comentários
  • Rubens
    3 meses Atrás

    Tem também o caldo de cana doce mel, que é um ótimo caldo de cana na feirinha do tabuleiro…

  • Mozer
    3 meses Atrás

    Depois da reportagem visitei o local com minha família, todos adoraram o pastel com caldo de cana.

  • Edilberto de Sá Acioli
    3 meses Atrás

    Vou sempre par Sergipe à trabalho e sempre tive vontade de para saborear o pastel porém, devido aos compromissos, sempre passei direto.
    Segunda-feira, dia 07.01.2019, estarei viajando pra Sergipe e, depois dessa sua postagem, com toda certeza vou apreciar.
    valeu pela dica!

    Edilberto Acioli

Comentários desse post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-me no Instagram

  • Sempre tem alguém pedindo dicas de jantar romântico, mas por que não pedem sobre almoço romântico? Principalmente quando ele vem com desconto e cheio de charme? Então segue a dica: Restaurante Toscana, na Avenida Rotary, no bairro do Farol. Reserve o almoço do dia de sábado porque tem promoção: na compra de dois pratos, o segundo ganha 50% de desconto. Foto do prato: peito de pato com molho de hibiscos e purê de macaxeira
http://www.nidelins.com.br/2019/03/20/sabado-romantico/
#dicadanide #restaurante #paradois #romantico #maceio #alagoas #chefnacozinha
  • Imagine aquela costelinha de boi, vultosa, com as devidas gordurinhas, e quando sai da churrasqueira nem precisa cortar com faca porque ela se solta livremente! 
Melhor nem imaginar... Devore logo essa costelinha! Quem prepara a carne divinamente é a equipe do chef @fernandocostamaia um expert em carnes grelhadas do restaurante @fusiongrillmaceio .
http://www.nidelins.com.br/2019/03/19/costela-boa-e-do-fernando/
#dicadanide #maceio #tradição #churrasco #costeladeboi #pontaverde #alagoas #restaurante
  • A língua na gastronomia é discriminada, muita gente torce a cara para ela, as vezes é preciso omitir a sua origem para ser degustada, mas estava escrito nas estrelas que ela viraria celebridade ao lado do cuscuz. E assim aconteceu nas panelas alagoanas do chef @rodrigoaaragaoal  para o programa É de Casa, a língua, literalmente, foi a  mais falada no sábado (16). Valeu @zecacamargomundo. Conheça a história e a receita no meu blog: http://www.nidelins.com.br/2019/03/18/lingua-alagoana-virou-celebridade/
#dicadanide #cuscuz #lingua #receita #maceio #alagoas
  • Amados e amadas, nesta quarta-feira, dia 20, às 9h, serei homenageada pela Biblioteca Graciliano Ramos. Sou muito grata ao carinho da instituição. E, claro, todo mundo está convidado.
Rua Dom Pedro II, 57, Centro de Maceió
  • FÃS do @marcelojeneci Dia 4 de abril, ás 21h, no Teatro Deodoro. Mais um show imperdível com a produção da @suechamuscaoficial
  • Quero um grande desfile de bandas de pífanos para alegrar a vida de todo do mundo. Muita gratidão aos meus seguidores. Foto do Ateliê João das Alagoas, Capela
@claudio.henrique.artesao
  • Gente! Que felicidade! Alagoas no “É de Casa” com a receita que leva meu nome, “Língua da Nide”. E ainda ser citada no programa como a “madrinha da nova geração de chefs de Maceió”!
Resumo: Alagoas é que faz comida boa.
Agradeço o carinho do @zecacamargo e do @rodrigoaaragaoal da @oxe_maceio
Imagem da @suzyalbuquerque_
  • Mais um alagoano, @rodrigoaaragaoal da @oxe_maceio, divulgando os sabores das Alagoas na telinha. Valeu @zecacamargomundo