TOPO
Destaques Mais lidos

Turismo na cidade Piranhas, campeã

 

Desde 2000, escrevo sobre as cidades sertanejas. Mas, entre elas, foi a cidade de Piranhas me conferiu um prêmio de jornalismo impresso de turismo. Desde aquela época, já sabia da vocação turística da cidade sertaneja, que, atualmente, está em primeiro lugar no acolhimento dos visitantes de São Paulo que vão desfrutar do luxo da nossa Caatinga e do Rio São Francisco. A postagem “Meu Sertão Encantado, cidade de Piranhas” teve 3.611 visitas. Em segundo lugar, o tradicional Bar do Rogildo, no bairro de Bebedouro, com 2.570, e o restaurante vegano e vegetariano Anandda ficou na terceira posição com 2.328. Vamos recordar:

Espaço Ecológico Angicos: Pituzada com pirão, tradição da cidade de Piranhas

Piranhas – Na minha ultima expedição, vivenciei o roteiro turístico, cultural, ecológico e gastronômico, com direito aos famosos pitus, nosso camarão gigante das águas doces no Espaço Ecológico Angicos, caminhei pelo povoado de Entremontes, dancei xaxado no centro histórico, tomei café na torre da Estação, e, claro mergulhei do Rio São Francisco. Bom, depois a Pedra do Sino Hotel me deu acolhida merecida. De lá se tem a mais bela vista do Velho Chico.

Da piscina da Pousada Pedra do Sino, a vista mais bonita da cidade de Piranhas e o Velho Chico

Espaço Ecológico Angicos: Na trilha de Lampião desnuda a beleza da caatinga

Bares e restaurantes movimentam a noite da cidade de Piranhas

Casario colorido no centro histórico A cidade de Piranhas é tombada como patrimônio histórico Nacional

Rota Cidade de Piranhas

Espaço Ecológico Angicos –  R$ 95  por pessoa com passeio de catamarã e almoço. Preços especiais para grupos acima de 20 pessoas/ Trilha de Lampião: R$ 10 por pessoa com duração de 1hora/ Telefone: (82) 98745-1286

Pedra do Sino Hotel:  Diária a partir de R$ 280 o casal com café da manhã/ Rua Alto do Mirante, Centro Histórico – 1600, Piranhas/ Telefone: (82)3686.1365

Matéria completano link: http://www.nidelins.com.br/2018/09/18/meu-sertao-encantado-cidade-de-piranhas/

Bar do Rogildo, boteco

Famoso camarão do Rogildo, tradição de Bebedouro

Em 2013, entrei pela primeira vez no modesto bar e venda (mercadinho) do Rogildo, no bairro de Bebedouro. Boa praça, com seu bigode branco, ele está sempre sorridente. O ex-pescador também gosta de contar histórias para gente rir a beça. Conversas regadas com goles de cerveja, geladíssima, que acompanham o camarão acebolado divinamente preparado pela sua Sílvia, estrela da casa.

Se Rogildo é bom de papo, a Sílvia é ótima com as panelas. Aliás, está alagoana me faz comer o camarão acebolado com creme de leite que, por sinal, passa sutil ao paladar. A gente nem percebe, discreto, bem temperadinho…

Família Bar do Rogildo:  Brenda, Wellington, Ramona, Bruna, Rejane e Silvia

Peixada – O pirão feito com leite de coco natural e com caldo do peixe arabaiana… Como disse o mestre pernambucano Gilberto Freyre: “O pirão é a gloria do Brasil”, eu declaro que o preparado pela Silvia, no Bar do Rogildo, é a “Gloria Alagoana”. Ela sabe a quantidade certa do leite de coco para não cobrir o sabor do peixe, nem ficar pesado e enjoativo.

Peixada com pirão de leite de coco, simplicidade e saborosa

Rota Bar do Rogildo

Rua Augusto Barreto, nº 90, Bebedouro – Telefone: 3358.6327/ De terça a domingo das 9h até as 15h/ Como chegar no Bar do Rogildo: No bairro de  Bebebouro,  siga direto até  a estação de trem, entre à esquerda e siga o muro branco da Conab.  No final do muro, vire à esquerda e vá até o final da rua, entre à esquerda, e logo se avista o bar do Rogildo com  sua lona azul inconfundível.

Arrumadinho de charque, uma das maravilhas do Bar do Rogildo

Anandda, bufê vegano e vegetariano

Eu comecei pelo caldo de beterraba com hibiscus, depois montei meu prato com feijão caseiro, arroz integral, saladas e, para acompanhar, uma torta de legumes. Assim de forma saborosa, fui apresentada ao Espaço Anandda, que funciona na loja Erva Doce & Doce Erva da Ponta Verde. A proposta do restaurante é de comidinhas saudáveis e sem nada de origem animal (vegana), zero de glúten e de lactose. Quem comanda a cozinha é a nutricionista Jaqueline Galvão e a boa novidade da casa é Kombucha (chá fermentado), que equivale ao refrigerante natural.

Caldo de beterraba com hibiscus para começar bem no Espaço Anandda

Adorei o Kombuchá, afinal, desde de 2012 eu abiquei de refrigerantes e sou adepta aos sucos naturais. É uma bebida probiótica, feita a partir de chá preto, gasificada e com sabores de uva verde (amei), gengibre e cranberry (fruta vermelha) com morango. Resultado: bebida é agradável ao paladar e ainda é digestiva. A produção Kumbuchá MCZ é do amado da Jaqueline, Lucas Lira.

Jaqueline e Lúcio, empreendedores da gastronomia vegana e saudável

Indico o Anandda para quem segue estilo de vida vegana (nada de origem animal), vegetariano, e para quem tem restrições alimentares ao glúten e a lactose. Claro, eu, prefiro a feijoada tradicional, mas a da Anandda é boa, e tem ótimas opções para quem deseja comer de forma saudável e leve.

Torta sem glúten com legumes no leite de coco

Sem trigo – Tortinha de legumes é preparada com mix de farinhas, coberta com legumes como repolho, tomate, alho poró ao leite de coco e azeite dendê bem suave. Aliás, a mão da nutricionista é bem leve, os condimentos são colocados com maestria para realçar o sabor.

Rota Espaço Ananda (Erva Doce & Doce Erva)

De terça a sábado: R$ 28,00/ Aceita-se cartões. Almoço das 12 até 15h/ Das 15h até 17h lanches/ Rua Eng. Mario de Gusmão, 560 – Ponta Verde/ Telefone: (82) 98839-1043

Pastel sem glúten e com recheio de legumes

 

 

«

»

1 comentário
  • Roseane Pimentel
    1 ano Atrás

    O bar do Rogildo é uma dos melhores uma comida muito boa amooooo

Comentários desse post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-me no Instagram

Instagram has returned invalid data.