TOPO
cozinha vegana Destaques

Kombucha para brindar a vida

 

Eu comecei pelo caldo de beterraba com hibiscus, depois montei meu prato com feijão caseiro, arroz integral, saladas e, para acompanhar, uma torta de legumes. Assim de forma saborosa, fui apresentada ao Espaço Anandda, que funciona na loja Erva Doce & Doce Erva da Ponta Verde. A proposta do restaurante é de comidinhas saudáveis e sem nada de origem animal (vegana), zero de glúten e de lactose. Quem comanda a cozinha é a nutricionista Jaqueline Galvão e a boa novidade da casa é Kombucha (chá fermentado), que equivale ao refrigerante natural.

Caldo de beterraba com hibiscus para começar bem no Espaço Anandda

Adorei o Kombuchá, afinal, desde de 2012 eu abiquei de refrigerantes e sou adepta aos sucos naturais. É uma bebida probiótica, feita a partir de chá preto, gasificada e com sabores de uva verde (amei), gengibre e cranberry (fruta vermelha) com morango. Resultado: bebida é agradável ao paladar e ainda é digestiva. A produção Kumbuchá MCZ é do amado da Jaqueline, Lucas Lira.

Indico o Anandda para quem segue estilo de vida vegana (nada de origem animal), vegetariano, e para quem tem restrições alimentares ao glúten e a lactose. Claro, eu, prefiro a feijoada tradicional, mas a da Anandda é boa, e tem ótimas opções para quem deseja comer de forma saudável e leve.

Variedades de legumes e saladas do Anandda

Lembrando, é preciso conhecer outros sabores e se despir do preconceito de que cozinha vegana é sem gosto. Detalhe: o preço do bufê é sem balança, come-se bem.

Siga minhas dicas

Torta sem glúten com legumes no leite de coco

Sem trigo – Tortinha de legumes é preparada com mix de farinhas, coberta com legumes como repolho, tomate, alho poró ao leite de coco e azeite dendê bem suave. Aliás, a mão da nutricionista é bem leve, os condimentos são colocados com maestria para realçar o sabor.

Amei – O feijão carioca é bem encorpado, preparado com caldo de vegetais (natural), com alho poró, salsa, coentro. Esse é maravilhoso e deixa saudades.

Feijoada vegana com legumes defumada

Sábado – Todo dia da semana tem sua estrela, no sábado é a feijoada vegana, preparada com legumes no forno, defumados (abóbora cabotiá, beterraba, berinjela, batata doce) e ainda cogumelos, maxixe, quiabo, entre outros.

Brigadeiro com doce de leite de amêndoas

Sobremesa – O brigadeiro é feito com doce de leite de amêndoas (preparado no próprio restaurante) e possui 70% de ganache de chocolate.

Bolo de especiarias, mas este tem glúten

Lanches – Depois das 15h e até as 17h é a vez dos lanches, e, neste caso, alguns doces e salgados têm glúten, como o bolo de especiarias com gengibre, cardamomo e  canela. E para aguçar o paladar, a calda de mel de engenho.

Pastel sem glúten e com recheio de legumes

Pastel – Sem glúten nos sabores de antepasto de berinjela e de brócolis com requeijão de castanhas. Ótima opção dos lanches

Jaqueline e Lucas, empreendedores da gastronomia vegana e saudável

Quem é – Jaqueline Galvão é alagoana, nutricionista, e agora investe no estudo e pesquisa de receitas veganas, sem glúten e sem lactose, sua primeira experiência é o restaurante Annanda, numa parceria com a Erva Doce, Doce Erva. O lugar é charmoso e o bufê colorido.

A vida de Jaqueline mudou quando ela foi fazer intercâmbio em Portugal, e era a única brasileira e a única não vegetariana, toda a equipe não comia nada de origem animal. Assim a boa menina se encontrou na cozinha natural, e segue seu destino pesquisando e estudando temperos, farinhas, azeites, folhas, frutas, raízes para a felicidade dos fãs do restaurante. E nessa caminhada, ela conta com o auxílio luxuoso do Lucas de Lira.

Brindemos com Kombucha.

Rota Espaço Ananda (Erva Doce & Doce Erva)

Preço do bufê sem balança: R$ 24,00 na segunda (dia sem carne para estimular as pessoas conhecerem a cozinha vegana) . De terça a sábado: R$ 28,00/ Aceita-se cartões.

Almoço das 12 até 15h/ Das 15h até 17h lanches

Rua Eng. Mario de Gusmão, 560 – Ponta Verde/ Telefone: (82) 98839-1043

 

«

»

3 comentários
  • Rosangela
    8 meses Atrás

    Nossa que maravilha estou encantada.parabens tenho uma filha alergica e vegana fico feliz quando encontro algo nesse seguimento.tambem trabalhamos com @marmitasveganas…será um prazer trocar ideias..

    • Nide Lins
      8 meses Atrás
      AUTOR

      ROSANGELA, vou olhar seu instagram, e a gente se fala.abraços

Comentários desse post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-me no Instagram

  • Já comeu as coxinhas de galinha do Conversa Botequim? Pois bem, as beldades são viciantes. A gente começa a comer e não querer mais parar. Na receita, o salgado leva batata inglesa, farinha de trigo e leite, depois são empanadas na massa de tempurá e farinha panko (pão japonês). O recheio é generoso.
Para acompanhar o petisco, cerveja bem gelada ou drinks do Itynerantys
http://www.nidelins.com.br/2019/04/24/coxinha-do-conversa/
@conversabotequim @itynerantys @luizsiqueira87
  • Na pracinha, por sinal, bem lindinha, da cidade de Capela, uma placa do governo do Estado indica o Caldinho de Capela, patrimônio alagoano sob a batuta do Newton Melo Bastos, uma lenda viva do Município que também abriga o atelier do ceramista João de Alagoas e seus seguidores.
Saiba mais no meu blog: http://www.nidelins.com.br/2019/04/23/seu-newton-autoridade-do-caldinho/
#dicadanide #alagoas #comidadibuteco #alagoas #capela
  • O churrasquinho de cordeiro escoltado por arroz com alho, feijão preto, farofa com bacon e salada, é uma das delícias do
Santo Almoço Executivo, no  Santo Antônio Bar, com preços de R$ 18,90 até R$ 36,00 (prato pra uma pessoa). De terça-feira à sexta-feira, o cardápio leva assinatura do @serginhorjuca. Veja mais no blog: http://www.nidelins.com.br/2019/04/22/almoco-com-antonio/
#dicadanide #maceio #restaurante #jatiuca #almoçoexecutivo
  • Espírito Santo do atelier João das Alagoas na cidade de Capela. Destino de arte e do famoso Caldinho do seu  Newton, o melhor da região.
  • Sexta-feira da Paixão, maré baixa, mar sereno, lua cheia, gente, muita gente assentada na areia, ou nas cadeiras que trouxeram de casa. Tudo para confortar o corpo, porque o coração já estava domado pelo projeto Velas Telas na Praia da Ponta Verde, bem de frente ao farol que nos guia.  As velas enfileiradas viraram telas de cinema ao céu aberto como o escurinho do cinema, onde foram projetas obras dos artistas plásticos alagoanos. As velas não partiram para o mar, mas projetaram a beleza dos nossos artistas plásticos e nós, até domingo, dia 21, podemos mergulhar no universo da arte no projeto Arte em Movimento – VelasTelas, do Núcleo Zero e Mirna Porto com patrocínio do Magazine Luiza por meio da Lei Rouanet. http://www.nidelins.com.br/2019/04/20/velas-da-lua-cheia/ foto: tela de Lula Nogueira @curiboca 
#velastelas #maceio #alagoas #cultura
@velas.telas @nucleozero_ @mirnaportomaia
  • Minha Maceió é mar, lua, Arte em Movimento - VelasTelas, projeto do @nucleozero_ @mirnaportomaia na orla da Ponta Verde (na altura do Farol), até  21 de abril, a partir das 20h.  Patrocínio @magazineluiz
#dicadanide
#maceio
#arte #pontaverde @rosapiattiarte @mirnaportomaia @nucleozero_
  • Fique ligado: Vem aí o Janga Week, de segunda a sexta, no Janga Praia no horário do almoço com prato para duas pessoas no valor de R$ 69,00. São seis pratos para o comensal escolher, como a Tilápia Primavera com salada e acompanhada com arroz integral, mas tem camarão, frango e carnes. Saiba mais sobre o @restaurantejanga no meu blog: http://www.nidelins.com.br/2019/04/19/camaroes-crocantes-do-janga/
  • A moqueca de camarão, quando sobra de um dia para outro no doce lar da família da Chef Vera Moreira, tem destino certo: o café da manhã. Basta adicionar ovos na moqueca para acompanhar o cuscuz de milho. Essa tradição do café da manhã  foi parar no cardápio do restaurante Akuaba. Mas, no lugar do cuscuz, entrou em cena o arroz, a farofa e o pirão. É bom demais. Saiba mais sobre os 25 anos do @akuababr no meu blog http://www.nidelins.com.br/2019/04/18/temperando-maceio-com-dende/
@verasmoreira @jonatasmoreira @ainamoreira @osvaldo_moreira 
#dicadanide #maceio #cozinhabaiana #moqueca #acaraje