TOPO
Destaques Japaratinga

Festival Sabores de Japarantiga

 

O quintal do restaurante Mama Pereira é na bela e serena praia de Japarantinga, litoral norte de Alagoas, e quem comanda a cozinha é o Nêgo, apelido de Ivonaldo Pereira, o rapaz de sorriso aberto. No Seu restaurante de frutos do mar, uma das estrelas é o arroz de polvo. Mas o bom rapaz é um entusiasta e junto a Associação de Empreendedores de Japaratinga em Turismo organizou a primeira edição do Festival Gastronômico Sabores de Japarantiga (foto de @maripbernardes) que começou em julho e encerra no dia 9 de setembro com 10 participantes, e com 20% de desconto dos pratos do evento.

Para primeira edição do Festival, o chef Nêgo bolou a Lagosta Sinfonia, na receita uma mistura boa com camarão, anéis de lula, polvo em cubos refogado no creme de coco. Para acompanhar vem  fettuccine no molho de tomate com camarão e ainda tem o purê de banana da terra. No folheto  do Festival, diz que serve duas pessoas, mas éramos em três e deu bem.

Restaurante Mama Pereira misturou lagosta, camarão, lula, polvo e serviu com massa e purê de banana

Mama Pereira: R. Sebastiao Lins de Melo, 170-220, Japaratinga/ Telefone: (82) 3297-1222

Foto de Mariana Bernardes da Lagosta da Estalagem Caiuia com arroz de castanha e rosti de batata

Na pousada Estalagem Caiuia, a paulista e alagoana de coração, Fernanda Semin, apostou no rei dos mares, a lagosta no molho de ervas com arroz de castanha e batata rosti (ralada e com queijo). O crustáceo ganhou o sabor especial das ervas, e só precisa um pouco de mais de azeite, para escoltar o crustáceo, arroz de castanha, uma tradição da cozinha da pousada.  AL-101, Japaratinga – Telefone: (82) 99659-1313

Lagosta na manteiga com arroz de brócolis e batata

O restaurante que tem o nome Cia da Lagosta já diz tudo, o parente gigante do camarão manda no pedaço. Na receita a lagosta grande é bem tradicional preparada na manteiga e alho e para escoltar a belezura arroz de brócolis e batata ao creme. O restaurante é comandado pela Rosa Cavalcante, primeira cozinheira do também primeiro bar em Jarapatinga. Em breve Cia da Lagosta ganhará um novo espaço ao lado da pousada da família, Vila de Taipas. Rua Principal, 1160, Japaratinga / Telefone: (82) 99907-4091

Fique ligado: Os preços com desconto de 20% vão de R$40,00 até R$116,00. Veja quem está dando mais sabor ao 1º Festival Gastronômico Sabores de Japarantiga:

Restaurante Vida Nova: Nome do prato é Guisadão, que são pedaços de carne ao molho agridoce, com pirão de macaxeira, banana da terra, arroz branco, ovo cozido e legumes.  Rua Maria das Merces, Telefone: (82) 3297-1317

Hotel Bitinqui – O filé mignon com fatias de abobrinha e bacon, assado na manteiga de manjericão e, para acompanhar, bolinhos de legumes e arroz grego. Avenida Senador Renan Calheiros, 300 – Bitingui, Telefone: (82) 3297-1500

A bela cidade de Japaratinga

Camboa Restaurante– Filé de peixe grelhado ao molho bechamel, com arroz de alho e brócolis na manteiga. Rodovia AL 101, S/N, Telefone: (82) 98155-7069

Receptivo Japaratinga –   Polvo refogado em mix de verduras, azeitonas, creme de leite e arroz branco. Av. Napoleão Rodrigues da Silva, 150 – Centro.

O Lagostão – Lagosta ao camarão, arroz branco, pirão de frutos do  mar e macaxeira frita. Travessa Bernardino Calaça da Silva, 10 – Beira Mar/ Telefone: (82) 98828-3161

Paraíso dos Coqueirais – Fatias de carne de sol (suculentas) grelhadas na manteiga, na companhia de macaxeira frita, arroz branco, feijão verde e farofa caseira. Rodovia AL 101 Norte – s/n Km 121/ Telefone: (82) 3297-1125

Albacora Praia Hotel – Camarão flambado ao molho de catupiry com toque de mostarda, arroz de castanha e farofa de banana da terra. R. Francisco de Barros Regis, 155 – Sítio do Jacaré/ Telefone: (82) 3297-1359

A paz de Japaratinga é sempre uma inspiração

Paz – Japaratinga, cidade do litoral norte de Alagoas, é indicada para famílias e casais curtir dias de sol e as praias batizadas de Pontal do Boqueirão, Centro, Bitingui, Barreiras e Barreiras de Boqueirão. Todas lindas, serenas e cercadas por um vasto coqueiral.

No passeio pelas piscinas naturais de Japaratinga os tons azuis ficam mais evidentes

Imperdível é o passeio até as piscinas naturais de Japaratinga, realizado de catamarã e de lancha, na maré baixa, para contemplar a vida marítima. Fiz o passeio no catamarã de O Lagostão, e, além da beleza natural, a área é bem preservada e respeitada, nada de comida para os peixinhos, lá é mergulhar na água transparente, olhar a cidade distante,  como dizem: “Não é água com açúcar que acalma, é agua com sal”. O mar de Japaratinga é uma paz ao som da maresia e dos coqueirais.

No O Lagostão, o pirão de frutos do mar, por sinal, muito bom é o mimo depois do passeio das Piscinas Naturais

 

«

»

2 comentários
  • Pedrosa
    1 ano Atrás

    Qual o período que acontece o festival?
    Onde consigo o catalogo do evento?
    Os pratos na sua postagem parecem super saborosos!
    Parabéns pela matéria!

    • Nide Lins
      1 ano Atrás
      AUTOR

      Pedrosa, até o dia 9 de setembro, tem um folheto que está sendo distribuído em Japaratinga, No meu post tem os nomes e contatos dos participantes.

Comentários desse post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-me no Instagram

Instagram has returned invalid data.