TOPO
Cozinha Popular Gastronomia

Vamos de caldinho de dobradinha!

A dobradinha é o nome dado, em culinária, ao bucho de animais, em especial  ao do boi, cozido em pequenos pedaços no feijão branco. Pois bem, este é o prato tradicional da cozinha do Norte de Portugal, conhecido como tripas do Porto, que até virou tema do poeta português Fernando Pessoa. A dobradinha que rende poema, também é um tributo da mesa dos brasileiros e alagoanos. Recentemente provei a iguaria do Recanto da Macaxeira(atrás da agência dos Correios da antiga Amélia Rosa).

Conheço o Recanto da Macaxeira desde 2014, do casal Marcos da Silva e Daise, e Marcos sempre me ofereceu o caldinho de dobradinha, porém só este ano resolvi experimentar e aprovei. Primeiro, porque não tem o aroma do bucho, e em segundo, todos ingredientes do boi, tripinha, calabresa defumada, charque e bucho são cortados em pequenos pedaços, coisa de cozinha caprichosa. Em terceiro lugar, o bucho é limpo com vinagre, limão e cachaça.

Carne de sol acebolada com queijo coalho derretido e macaxeira cozida

Pois bem, o caldinho de dobradinha ganhou mais uma fã, porque ele já tem uma legião de seguidores. Mas estando no Recanto da Macaxeira, aposte também na carne de sol com queijo coalho e macaxeira cozida para um jantar feliz.

Marcos, chef do Recanto da Macaxeira

Recanto da Macaxeira

Preço do caldinho: R$ 6,50

Funciona de segunda a sábado, das 18h até meia noite –

Endereço: Rua Artur Charles Dorvile 231 Jatiúca – Como chegar –  Na Antiga Amélia Rosa (praia em direção ao shopping Maceió) pega o último retorno, entra na segunda direita e depois primeira direita – Telefone: 98855.6845

«

»

1 comentário
  • Paulo Guimarães
    2 anos Atrás

    Para mim é um lugar impar em termos de gastronomia.

Comentários desse post

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-me no Instagram

Instagram has returned invalid data.